05 outubro 2011

Esperando um convite

Tem pessoas que estranham e desacreditam quando dizemos que "Deus falou comigo" e etc.. e quando eu não levava muito a sério Deus, eu também achava estranho as pessoas dizerem disso. Pensava "Mas como é que Ele fala?"...
Por meio da bíblia vemos que Deus sempre falou com seu povo das mais diferentes maneiras... quando Ele se mostrava de uma forma mais evidente, 99,999999% das reações humanas era jogar o rosto no chão e até pedir para se afastar. Quando Ele decide sussurrar, as pessoas reclamam por querer mensagens diretas e claras. É, ser humano não é fácil mesmo, deve pensar Deus. Mas mesmo assim, os amo, deve pensar Deus. E ainda bem que Ele não desiste de nós como nós, tantas vezes, desistimos Dele.
Bom, mas como ouvir a Deus, hoje em dia? ...cada nascido de novo desenvolve um relacionamento íntimo com o Pai, e de maneira ímpar, essa comunicação se dá. Deus não apenas nos convence, nos comove, principalmente.
A forma mais tradicional Dele falar conosco é por meio do que Ele diz na Bíblia, Ele jamais falará nada que não esteja em concordância com a sua Palavra. Deus é coerente. 
Um mesmo texto, em diferentes épocas, foi usado pelo Espírito Santo para me ensinar coisas muito diferentes. Deus é um Deus criativo e de riquezas...
Ele pode usar somente um parágrafo para te deixar pensando a noite toda. Deus é um Deus de paz e não de confusão. Se você se perturbar, não é Deus, são as minhocas de sua cabeça.
Se mesmo depois que você se arrepender de um erro e pedir perdão, você se envergonhar e continuar se culpando sempre, isso não é Deus. Deus é um Deus de perdão e comunhão.
Além de comunhão, Deus é um Deus de inclusão. Ele adora usar as pessoas para seus propósitos. Usa as pessoas para abençoar as outras, e quem abençoou, no final, fica mais abençoado ainda. Deus não trabalha muito com a lógica humana. Na verdade, não trabalha nem um pouco com isso... e chegamos aqui, talvez, a característica que mais me perturba, mas a que mais me dá segurança. As coisas podem não fazer sentido nenhum para mim, mas se eu coloquei nas mãos de Deus, Ele está cuidando, e se Ele está cuidando, Ele tem o melhor e está fazendo o melhor. Deus é um Deus de excelência. E Deus é um Deus de amor. O grande problema não é como Deus vai agir.. Deus cria seus meios. O nosso problema é confiar. Porque se eu confiasse tanto quanto eu digo, racionalmente, que confio, eu jamais ficaria preocupada ou ansiosa. É, eu falho em confiar. Mas ainda bem que até nisso, Deus me ajuda.
Olha, é muito bom, muito bom mesmo servir a Deus. Decidir servir a Deus não é um sinal de fraqueza.... Eu não acho que suportar piadas e ser ridicularizado, mesmo que de forma velada, seja ser fraco. As pessoas lutam tanto pelo direito de ser, agir, pensar... porque se ofendem quando alguém decide "crer"?
É, realmente, muito bom servir a Deus, porque Ele não é um Deus mudo, distante e indiferente. É bom saber que não é preciso caminhar sozinho (se você não quiser isso). É, além de tudo, Deus é um Deus gentil e educado, jamais toma algo seu a força. Ele espera ser convidado. Lindo, né? Eu amo esse Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário